Liberalismo – Ludwig von Mises


Este ARTIGO foi publicado originalmente neste SITE

Marx tem sido merecidamente acusado de haver escrito uma condenação ao capitalismo e de não ter nunca conseguido – nem os seus seguidores — descrever o funcionamento de uma sociedade socialista. A atitude de Mises é diferente: tendo denunciado as falácias do socialismo, foi levado por sua honestidade a explicitar também o que seria uma sociedade liberal. Escreveu então Liberalismo. Esta obra, que nos fornece a base de uma ideologia liberal, apresenta a mais viva condenação ao colonialismo e a advertência do que poderia ocorrer — e infelizmente ocorreu na Alemanha — por força da crescente intervenção do estado na vida dos cidadãos.

Sobre o autor

Ludwig von Mises foi o reconhecido líder da Escola Austríaca de pensamento econômico, um prodigioso originador na teoria econômica e um autor prolífico. Os escritos e palestras de Mises abarcavam teoria econômica, história, epistemologia, governo e filosofia política. Suas contribuições à teoria econômica incluem elucidações importantes sobre a teoria quantitativa de moeda, a teoria dos ciclos econômicos, a integração da teoria monetária à teoria econômica geral, e uma demonstração de que o socialismo necessariamente é insustentável, pois é incapaz de resolver o problema do cálculo econômico. Mises foi o primeiro estudioso a reconhecer que a economia faz parte de uma ciência maior dentro da ação humana, uma ciência que Mises chamou de “praxeologia”.

O post Liberalismo – Ludwig von Mises apareceu primeiro em Livros Conservadores.