Jair Bolsonaro volta a apontar união entre PSDB e PT

Em entrevista ao jornal O Globo, o ex-presidente tucano Fernando Henrique Cardos (FHC) voltou a reafirmar a possibilidade de uma aliança entre PSDB e PT caso o candidato do PSL vá para o segundo turno.

“Não farei objeção a que o PT nos apoie. Naturalmente, isso significa também que não haveria objeção ao contrário”, declarou FHC ao jornalista Bernardo Mello Franco em entrevista publicada nesta segunda-feira (20).

Em reposta às declarações do tucano FHC, o candidato do PSL ao Planalto, Jair Bolsonaro, publicou um vídeo na manhã desta segunda em seu perfil pessoal no Twitter.

“É a certeza que PT e PSDB são farinha do mesmo saco. Na verdade, o grande projeto deles é o indulto para Lula e condenados do mensalão e petrolão”, declarou o militar reformado.

Ataques terroristas do Boko Haram deixam 10 mortos na Nigéria

Ao menos 10 pessoas morreram em dois ataques do grupo extremista Boko Haram durante o fim de semana na região nordeste da Nigéria, cenário de atentados frequentes.

No sábado à noite, terroristas entraram na localidade de Mairari, no estado de Borno, abriram fogo e lançaram granadas.

“Foi o caos, os homens do Boko Haram pegaram seis mulheres e as degolaram”, afirmou Babakura Kolo, líder de uma milícia, à AFP.

Um morador de Mairari confirmou o balanço e destacou que os policiais não fizeram nada para impedir o avanço dos criminosos.

No domingo (19), quatro agricultores foram assassinados na periferia da capital do estado de Borno, Maiduguri.

Shuaibu Boka, que estava no local no momento em que os extremistas chegaram de moto, afirmou à AFP que “dezenas de pessoas estava trabalhando nos campos” e fugiram quando ouviram os integrantes do Boko Haram.

“Quando voltamos ao local, encontramos quatro de nossos homens degolados”, disse.

Os ataques contra civis acontecem depois de uma série de operações contra as forças de segurança e os militares.

Adaptado da fonte AFP

Papa Franscisco admite demora da Igreja em agir contra pedofilia

O papa Francisco reconheceu mais uma vez, com “vergonha e arrependimento”, que a Igreja Católica demorou a agir para combater casos de pedofilia, em uma “Carta ao Povo de Deus” divulgada nesta segunda-feira (20).

O novo “mea culpa” do Pontífice chega aproximadamente uma semana depois de a Suprema Corte da Pensilvânia, nos Estados Unidos, ter apresentado um relatório que lista mais de 300 sacerdotes envolvidos em crimes sexuais, escândalo que se soma a casos em países como Chile e Austrália.

Na carta, Francisco diz que a pedofilia é um crime que gera “profundas feridas de dor e impotência, em primeiro lugar nas vítimas, mas também em suas famílias e na inteira comunidade, tanto entre os crentes como entre os não-crentes”.

O documento afirma:

Olhando para o passado, nunca será suficiente o que se faça para pedir perdão e procurar reparar o dano causado. Olhando para o futuro, nunca será pouco tudo o que for feito para gerar uma cultura capaz de evitar que tais situações não só não aconteçam, mas que não encontrem espaços para serem ocultadas e perpetuadas.

O Papa ainda cita o relatório da Pensilvânia, que identificou cerca de mil vítimas ao longo de um período de 70 anos. De acordo com o líder católico, embora esses casos estejam no passado, as feridas “jamais prescrevem”.

Adaptado da fonte ANSA

Governo Temer enviará homens desarmados a Roraima após invasão do territórrio nacional por militares venezuelanos armados

O governo de Michel Temer anunciou nesta segunda-feira, 20/08, que enviará a Roraima 120 homens para reforçar Guarda Nacional. Dentre os destacados, há voluntários da área da saúde.

O Canal Terça Livre denunciou em primeira mão no boletim da manhã desta segunda-feira que o território nacional foi invadido por militares venezuelanos armados na fronteira com Roraima.

E o governo Temer manda 120 homens, alguns dos quais desarmados, como resposta.

Ato de tamanha fraqueza nunca antes foi visto na História de nenhum país que teve seu território invadido de maneira tão descarada e desrespeitosa por forças hostis estrangeiras.

O post Governo Temer enviará homens desarmados a Roraima após invasão do territórrio nacional por militares venezuelanos armados apareceu primeiro em Terça Livre TV.

Pesquisa CNT/MDA aponta polarização Bolsonaro x PT

A primeira pesquisa nacional desde o início oficial da campanha eleitoral de 2018 foi divulgada nesta segunda-feira (20).

O levantamento foi feito pelo instituto MDA e encomendado pela CNT (Confederação Nacional de Transportes).

Foram testados os 13 candidatos que pediram registro ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Veja o resultado:

  1. Lula (PT) – 37,3%
  2. Jair Bolsonaro (PSL) – 18,8%
  3. Marina Silva (Rede) – 5,6%
  4. Geraldo Alckmin (PSDB) – 4,9%
  5. Ciro Gomes (PDT) – 4,1%
  6. Alvaro Dias (Podemos) – 2,7%
  7. Guilherme Boulos (PSOL) – 0,9%
  8. João Amoêdo (Novo) – 0,8%
  9. Henrique Meirelles (MDB) – 0,8%
  10. Cabo Daciolo (Patriota) – 0,4%
  11. Vera (PSTU) – 0,3%
  12. João Goulart Filho (PPL) – 0,1%
  13. José Maria Eymael (DC) – 0%
  • Branco/Nulo – 14,3%
  • Indeciso – 8,8%

A candidatura de Lula foi questionada e o TSE deve decidir se o ex-presidente, que está preso desde de abril, poderá disputar as eleições de outubro.

Por ter sido condenado em segunda instância, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá (SP), ele foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa e está inelegível.

Adaptado da fonte UOL

Dois países líderes em inovação querem ser parceiros do Brasil

Israel e Nova Zelândia buscam combinar suas soluções inovadoras e tecnológicas com a capacidade brasileira de produzir em larga escala.

Em termos de área, os dois países somados têm cerca de 300 mil km², tamanho um pouco menor do que o estado do Maranhão.

Juntas, as populações alcançam 13 milhões de pessoas, apenas 2 milhões a mais do que o Paraná.

Mas quando o assunto é inovação e tecnologia, os comparativos diminutivos desaparecem. Para o setor mais pujante da economia brasileira, o agronegócio, Nova Zelândia e Israel oferecem parcerias que prometem extrapolar em benefícios a proporcionalidade das estatísticas.

Tanto Nova Zelândia como Israel ainda têm números modestos no comércio bilateral com o Brasil.

Os negócios entre Brasil e Israel, nos sete primeiros meses deste ano, chegaram a US$ 750 milhões, com um déficit de US$ 342 milhões para o lado brasileiro. Já nas relações comerciais com a Nova Zelândia, as trocas alcançaram valor de apenas US$ 70 milhões, novamente com déficit para o lado de cá, de US$ 2,69 milhões. Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Com informações da Gazeta do Povo

Câmara gasta mais de 15 milhões para manter frota de veículos

A Câmara dos Deputados desembolsa por ano R$ 15,7 milhões para cobrir as despesas com sua frota de veículos. Em média, os gastos representam R$ 1,3 milhão por mês.

A conta inclui aluguel, lavagem, combustível, motoristas e operadores de tráfego.

O valor é maior do que 459 municípios de São Paulo vão receber individualmente neste ano do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

A assessoria da Casa Legislativa informa que possui seis veículos e aluga outros 77 para atender deputados com cargos na Mesa Diretora e outros órgãos.

Adaptado da fonte Estadão

Ação do MDB visa reduzir 36% do tempo de TV de Alckmin

O tempo desproporcional em programa eleitoral gratuito do qual desfruta a chapa de Geraldo Alckmin pode sofrer um revés, graças a ação movida pelo MDB de Henrique Meirelles.

A campanha do ex-ministro entrou, na última sexta-feira, 17/08, com uma contestação no TSE pedindo a invalidação do apoio do DEM, PP, PRB, PR, PTB e Solidariedade ao Tucano.

O balcão de negócios montado por Alckmin em troca de apoio partidário sinaliza como seria um eventual governo seu: uma central de trocas de favores e indicações políticas para loteamento do Estado.

Resta saber o que motiva Henrique Meirelles a tomar tal atitude, se o justo senso das proporções ou se o fato de ter ficado fora da mesa de negociações tucana, na qual já se sentou inúmeras vezes em sua trajetória pregressa.

O post Ação do MDB visa reduzir 36% do tempo de TV de Alckmin apareceu primeiro em Terça Livre TV.

Opositores de Maduro confirmam convocação de greve

O líder opositor venezuelano Andrés Velásquez confirmou neste domingo (19) uma greve para esta terça-feira (21).

A paralisação foi convocada pelos partidos Causa Radical, Primeiro Justiça e Vontade Popular para protestar contra as medidas econômicas anunciadas pelo ditador Nicolás Maduro.

Andrés Velásquez declarou:

Estamos falando de uma greve por tempo definido, na terça-feira. É um primeiro passo de uma agenda de luta que certamente vai ter outras interrupções.

Em entrevista coletiva, ele também disse que a convocação também visa unificar a “luta do povo na sua base e dar uma direção política ao protesto” porque não há gás, água, transporte, remédios nem alimentos.

O opositor da ditadura da Venezuela acrescentou:

As medidas anunciadas na sexta-feira passada não são nenhum plano de recuperação econômica para o país. Pelo contrário, o que representa para o povo venezuelano é mais fome, é mais ruína, mais pobreza, mais sofrimento, mais dor, mais inflação.

O dirigente considerou uma “piada” Maduro ter decretado feriado na segunda-feira, quando entrará em vigor a reconversão monetária com a qual serão eliminados cinco zeros da moeda e o bolívar passará a ter o sobrenome “soberano”.

Adaptado da fonte EFE

Talibãs sequestram mais de 100 cidadãos no Afeganistão

Membros do grupo terrorista Talibã sequestraram nesta segunda-feira (20) mais de cem passageiros de três ônibus, entre eles mulheres e crianças, quando viajavam pela província de Kunduz, no norte do Afeganistão.

O porta-voz da Polícia de Kunduz, Inamullah Rahmani, declarou:

Um grupo de insurgentes interceptou pelo menos três ônibus cheios de passageiros em uma estrada do distrito de Khanabad e os levaram para as aldeias dos arredores.

Os reféns, entre os quais estão mulheres e crianças, viajavam de Cabul para as províncias do nordeste de Takhar e Badakhshan para celebrar a festividade muçulmana do Aid al Adha ou “festa do sacrifício”, que começa amanhã no país.

O motivo do sequestro ainda não está claro, mas Rahmani explicou que os talibãs tinham montado um posto de controle na região para identificar membros das tropas do Afeganistão que nestes dias viajam para as suas localidades natais para o Aid al Adha.

O porta-voz do governador provincial, Esmatullah Muradi, confirmou que até o momento as forças de segurança conseguiram resgatar algumas mulheres e crianças, enquanto está em andamento uma operação para libertar os demais passageiros.

Adaptado da fonte EFE